0

Urnas eletrônicas podem fraudar resultados. Mentiras fraudam mentes.

Urnas eletrônicas podem fraudar resultados. Mentiras fraudam mentes.Muita gente se preocupa, com razão, sobre a possibilidade da manipulação dos resultados das urnas eletrônicas, quando, na verdade, a pior das manipulações está sendo feita agora.

A aceitação da possibilidade de Lula se registrar como candidato torna a justiça cúmplice de uma farsa criada para denegrir a ela mesma. E quem participa desse conluio, que afronta leis, juízes, instâncias e justiça, é cúmplice da manutenção de um curral eleitoral emburrecido, abastecido de distorções, inverdades e muitas mentiras.

Sua insatisfação pode gerar resultados. Crie um Blog agora mesmo!
Quero mais informações, ou para começar agora, clique aqui.

Permitir que Lula continue frequentando pesquisas eleitorais não pode ter outra intenção, se não a de desestabilizar as eleições presidenciais e o Brasil de um modo geral. Urnas eletrônicas alteram resultados, mas para isso existem remédios corretivos. Para mentes deformadas através da adulteração da verdade não há remédio.

A ministra Rosa Weber herdou um TSE covarde e comprometido com a impunidade, capaz de absolver criminosos eleitorais (quem dera fosse apenas isso) por excesso de provas. E se o comprometimento já não existe explicitamente, a covardia permanece. Lula está enquadrado na Lei da Ficha limpa e é inelegível. E ponto. Tudo o que já aconteceu além disso faz parte da estratégia de manter seu nome em evidência e interferir como puder nas eleições.

É muito difícil encontrar um caminho eficiente para combater as mentiras que iludem, confundem, desinformam, informam propositalmente errado. Não são apenas as fake news, mas tudo o que é fake nesse processo, como candidatos fake, financiamentos fake, motivações fake, apoios fake, traições fake. Tudo é fake numa eleição, especialmente no momento ruim em que vivemos, esse sim, sem nada de fake.

Não adianta nada a gente se preocupar com a possibilidade de fraude em urnas eletrônicas, porque todos iremos votar nelas mesmas, reclamando, desconfiando, amaldiçoando, muitos indignados com a falta do voto impresso, que é lei, e que não foi cumprido pela justiça.

Vale repetir. O voto impresso é uma lei que foi deliberadamente descumprida e derrubada exatamente pelo STF, que deveria servir para fazer com que todas as leis fossem estritamente cumpridas, mesmo que, pessoalmente, eu ache que ele não faria a menor diferença. Quem frauda urna eletrônica frauda bobina de papel também.

Precisamos nos preocupar em esclarecer mais e mais pessoas ao nosso redor, tentar oferecer a elas uma visão mais ampla da situação. A esquerda atual estuprou mentes vulneráveis por mais de 20 anos, injetando nelas mentiras que falam ao estômago e não à razão. Usam a necessidade básica da subsistência humana para poderem subsistir no poder.

Com certeza, nesse exato momento as urnas eletrônicas são o menor problema que temos. Importante agora é combater a desinformação e garantir que no segundo turno estejam nelas as fotos do que o povo brasileiro considerar serem os merecedores de uma chance de promover a mudança que o Brasil precisa, por mais doloroso que ainda seja o caminho.

Tirando a velocidade da apuração, ninguém me explicou ainda quais são as vantagens das urnas eletrônicas em relação às urnas com cédulas de papel. E isso gera duas perguntas:

  • Que diferença faz saber o resultado em 10 horas ou em 5 dias?
  • Por que no mundo todo praticamente só nós e os bolivarianos usamos urnas eletrônicas?

Você pode gostar de ler também

A disputa não é pela presidência. É sobre virar o jogo ou virar Venezuela.

HS Naddeo

Brasileiro escrivinhador de ofício, palpiteiro, cheio de opinião, jornalista, publicitário, administrador, marketeiro, anti-petista, anti-corrupção e anti-burrice.