0

MICHEL TEMER TERÁ SEMANA NO CONTA GOTAS

O PONTO É QUE NUNCA SE SABE QUAL PODERÁ SER A ÚLTIMA

Se juízes e parlamentares se acham no direito de parar para coçar o saco no meio do tiroteio, o país continua a funcionar, naquilo que consegue. E alheio aos conchavos que tentam salvar Lula, Michel Temer, Aécio Neves e todos os outros corruptos ainda em atividade, continua gerando mais miséria do que riqueza, mesmo que os números que serão apresentados nessa semana possam ser contabilmente atrativos.

O aumento do imposto sobre combustíveis foi como acender um pavio médio a caminho de uma bomba grande. Não se sabe se vai dar tempo para apagar.

Acima dos outros, essa é uma semana chave para Michel Temer. Já comprou quem poderia comprar, já cooptou quem poderia cooptar, já prometeu até o que não poderia prometer, e, ainda assim, não sabe quantos poderão ser os traidores, conspiradores e golpistas que poderão levá-lo a humilhação de responder um processo de corrupção no Supremo Tribunal Federal.

Ele não vai se submeter a isso. Vai negociar sua renúncia.

Além disso, essa semana o Conselho Monetário Nacional se reúne para definir e divulgar a taxa Celic, o Ministério do Trabalho divulga dados do emprego/desemprego CAGED, o Ministério da Fazenda apresenta dados da dívida pública em junho, a Confederação Nacional da Indústria divulga uma série de sondagens e índices e a semana termina com a divulgação de dados de desemprego do IBGE.

Michel Temer terá que contar com uma excelente combinação de resultados (maquiados?), para usá-los como trunfo e conseguir que na próxima semana o plenário da Câmara dos Deputados enterre, de vez, a denúncia da Procuradoria Geral da República. Pelo menos essa. Outras ainda estão por vir.

O fato é que pode ser qualquer uma.

No Ponto Do Fato