0

Lula é ficha suja, Haddad é um poste e o Ciro saiu pela culatra

Lula é ficha suja, Haddad é um poste e o Ciro saiu pela culatraA lei é clara. Foi o próprio Lula que assinou. A íntegra da LEI COMPLEMENTAR Nº 135, DE 4 DE JUNHO DE 2010você pode ler clicando aqui. E não tem mais discussão. O absurdo de questionar a lei ao extremo, ou seja, tentar inscrever Lula na corrida presidencial no dia 15 de agosto próximo é nada mais do que rasgar a lei que ele mesmo sancionou.

Alguém precisa informar a Lula e ao PT que lógica não é uma instituição, e que, portanto, não pode ser facilmente subvertida, tal qual eles fizeram com as demais instituições do país. E por uma questão de lógica, um condenado em segunda instância, conforme Lula assinou embaixo, fica inelegível. E qualquer coisa fora desse entendimento é afronta à justiça e tentar sustentar uma mentira que já não convence até os mais céticos.

Até o dia 30 de junho de 2018 a defesa de Lula já havia entrado com um total de 78 recursos envolvendo a condenação no processo do tríplex. Na primeira instância, na segunda instância, no STJ e no STF. Perdeu todos. E até a ridícula defesa do condenado na ONU não deu em nada, e nem vai dar.

O PT espera levar de 30 a 40 mil militantes para assistir essa encenação patética na data do limite do registro, que, ao que tudo indica, deverá ser indeferido de cara pelo TSE. Entrará em cena, então, o poste Fernando Haddad. Abençoado por Lula, ele e Manuela D’Ávila terão a missão de pagar o mico da provável pior derrota que o petismo e a esquerda maluca terão sofrido desde a redemocratização do país.

A capacidade do presidiário Lula transferir votos para seu novo poste ainda é uma incógnita. Ainda que muitos petistas e esquerdistas estejam dispostos a votar no nome do abençoado (ou amaldiçoado?) por Lula, isso só será aferível quando os resultados das urnas eletrônicas (ai, ai, ai) forem revelados na noite do dia 7 de outubro.

Até lá, não acredite em pesquisas. Elas serão capazes até de garantir a vitória do poste em primeiro turno, se seus “patrocinadores” assim o quiserem, não importando se isso vai contrariar as evidências, porque a lógica eles tentam contrariar sempre. As pesquisas eleitorais de 2018 tendem a serem as maiores fakenews da eleição, até mais do que foram em 2014.

Morto politicamente, Lula está, felizmente, matando a esquerda junto, criando um ambiente inóspito para os inúmeros candidatos de sua legenda, e afiliados, aos parlamentos estaduais e federal. A prova disso é Ciro Gomes, que nem na praia vai morrer.

Ciro Gomes não foi traído pelo PT ou por Lula. Foi traído por si mesmo, pela sua contumaz arrogância e desprezo pela inteligência alheia. Mais uma vez ele imaginou que o Brasil fosse o quintal de sua casa em Sobral. Soberbo, arrogante, prepotente, por conta própria se convenceu ser o legítimo herdeiro da esquerda, e que da cadeia Lula veria nele a salvação de todos. Sobrou só a soberba, a arrogância e a prepotência. O que Ciro Gomes viu foi uma “banana” do amigo presidiário e de toda a esquerda.

É muito provável que vejamos, em breve, Lula ser solto pelo STF. Só não fizeram isso ainda porque tem medo da reação popular e de serem acusados de interferir no processo eleitoral. A chance de Lula participar da eleição de 2018 como candidato à presidência da república, pela lei, e pela lógica, é zero.

Mas, Lula ainda poderá participar das eleições. Presos que ainda não tenham sentença em trânsito em julgado podem votar.

Como se vê, Lula não é um preso político e poderá exercer na plenitude possível seus direitos políticos, como eleitor, o que eu já acho muito.

Você pode gostar de ler também

Ana Amélia, a candidata a vice que não era mulher de verdade.

 

HS Naddeo

Brasileiro escrivinhador de ofício, palpiteiro, cheio de opinião, jornalista, publicitário, administrador, marketeiro, anti-petista, anti-corrupção e anti-burrice.