0

A maior farsa da história do Brasil está tendo apoio da justiça

A maior farsa da história do Brasil está tendo apoio da justiçaO julgamento do recurso de Lula em segunda instância contra a sentença de 9 anos e meio dada por Sérgio Moro será uma farsa gigantesca, mesmo que o tribunal mantenha a condenação por 3 a 0.

Canta-se e decanta-se uma infinidade de possibilidades e teorias de conspiração por todos os lodos e meios. E a pior parte disso é que uma infinidade delas pode estar certa. Brasileiros, brasileiras, tudo pode acontecer. Aliás, muita coisa vai acontecer.

Quantos brasileiros comuns tiveram um julgamento transmitido pelo Youtube?

A quantos brasileiros foi reservada uma sala especial com espaço para 30 pessoas para acompanhar um julgamento qualquer? Alguém duvida dos cafezinhos, biscoitinhos, água e sinal de wi-fi para essas celebridades?

Quantos foram os senadores, deputados e até membros de tribunais que foram acompanhar o julgamento de um cidadão comum? Quantos políticos foram vistos nas audiências de Fernandinho Beira Mar?

Tudo atende à grande farsa armada pelo PT para transformar o julgamento dessa apelação – e insisto, Lula já foi julgado, o que estará em julgamento é a qualidadedo processo que Sérgio Moro conduziu e resultou na condenação de 9 anos e meio. Qualquer coisa fora desse roteiro é um quesito dessa farsa.

Lula precisa de um fato político que justifique as atitudes que pode ter, incluída aí uma fuga do Brasil para algum país tão republiqueta quanto o nosso e que aceite dar asilo a um condenado pela justiça, tal qual o próprio Lula fez com Cesare Batisti.

Uma tese que anda em alta é a hipótese de os desembargadores mudarem a tipificação dos crimes imputados a Lula de maneira que ele seria condenado a uma pena inferior e isso o livraria da cadeia. Como se ele não tivesse outra dúzia de processos que produzirão os mesmos problemas. Pelo menos mais duas sentenças antes das eleições.

Tanto quanto Lula, o PT, mais especialmente os petistas que correm atrás de reeleição, precisam do fato político e de Lula solto e com chance de voltar ao poder, e para isso farão de tudo, a começar por Porto Alegre, cuja previsão é uma repetição dos atos em Brasília quando colocaram fogo em prédios públicos, carros e transformaram a esplanada dos ministérios num campo de batalha.

Quando disse que seria preciso matar gente para condenar e prender Lula, Gleisi Hoffmann deu a senha aos membros da CUT, MST, MTST e os prováveis black blocks, avisando que o vale tudo está aberto. E se é de uma morte que eles precisam, mesmo que não seja proporcionada pelos responsáveis pela segurança da cidade, uma morte acontecerá, ou mais, e eles mesmo não hesitarão e arrumar.

Quando o TRF4 se prontifica a transmitir o julgamento pelo Youtube, ele abre um canal para que o Brasil inteiro possa acompanhar a farsa, pois simultaneamente a grande mídia estará dando as informações dos acontecimentos do lado externo do prédio, e a ligação da provável condenação com o clima das ruas venderá a todos a ideia de que uma multidão indignada com uma injustiça ainda estará apanhando da polícia.

A justiça é conivente com a farsa. A mídia é conivente com a farsa. E não há, nem no STJ e nem no STF, um ministro que tenha “culhão” de impedir que essa palhaçada seja transmitida via internet. Muito menos no ministério público.

Pessoalmente, ainda aposto na fuga, mas estou aberto a todas as teorias conspiratórias que possam fazer sentido, porque quando se refere a Lula, por mais absurda que uma teoria possa ser, ela tem que ser considerada.

Leia também

A maior farsa da história do Brasil está tendo apoio da justiça

HS Naddeo

Brasileiro escrivinhador de ofício, palpiteiro, cheio de opinião, jornalista, publicitário, administrador, marketeiro, anti-petista, anti-corrupção e anti-burrice.